Sporting Anónimo – Diogo Sapateiro

O meu nome é Diogo Sapateiro, nasci em Coimbra a 02-12-1986 (podem dizer o que quiserem, mas já era vivo quando foi a goleada aos lampiões por 7-1). Sou residente em Vieira de Leiria e sou técnico de logística.


Como te tornaste Sportinguista?

Não me lembro ao certo como me tornei Sportinguista. Acho que já nasceu comigo. Lembro-me perfeitamente quando comecei a ficar completamente fanático pelo clube… tinha 6 anos, a caminho dos 7, quando o meu pai me levou ao velhinho estádio de Alvalade, à loja verde e me ofereceu um equipamento e um fato de treino (que passei a levar quase todos os dias para a escola [risos])

Para além de acompanhar o Sporting, o que gostas de fazer nos teus tempos livres?

O que mais gosto e faço é juntar-me com os amigos e vamos para os comes e bebes de manhã à noite [risos].

Que modalidade mais gostas de ver (fora do Sporting)?

Sinceramente não ligo muito ao desporto fora do Sporting, mas muito, de vez enquanto vejo um “téniszito”.

Se fosses Presidente por um dia, qual a primeira medida que tomarias? Porquê?

Se fosse presidente, por um dia, a primeira medida que tomaria era a alteração aos estatutos, para tirar o poder a estas gentes de “notáveis” que só lá vão para se servirem do Clube e não para servirem o Clube, como foi o caso do MEU PRESIDENTE BRUNO DE CARVALHO, que serviu o Clube exemplarmente.

Se tivesses um desejo para o Clube, qual seria?

Se tivesse o poder de realizar um dos meus desejos, seria a restituição de Bruno de Carvalho na presidência do Sporting.

O que esperas para o Clube nos próximos anos?

Infelizmente, não vejo grande futuro, pois por muito que queira, não acredito que se faça a devida justiça e se devolva a presidência a Bruno de Carvalho e, com isso, o Clube aos sócios, seus verdadeiros donos.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *