Sporting CP – A (des)usabilidade do site (Parte II)

Boa tarde a todos os Sportinguistas,

No artigo de hoje vamos falar sobre o Resumo Histórico do Sporting Clube de Portugal, tema este inserido na secção “Clube” do site.

De modo a facilitar o tema, o artigo vai seguir o flow de secções apresentado no site.

1ª Secção

Mal entramos no Resumo Histórico do Sporting, deparamo-nos imediatamente com um guia de datas. Daqui podemos seleccionar o ano e a página vai encaminhar-nos para a respectiva secção. Esta transição é extremamente prático, ainda para mais quando falamos de um Clube com tanta história como o Sporting.

Há, no entanto, um problema: Ao seleccionarmos uma data somos arrastados, mas a guia não segue o meu percurso, ou seja, depois de ler a área desejada vou ter de voltar ao topo da página caso queira voltar a usar a guia.

Visto que esta página é extensa, qual é probabilidade de me dar ao trabalhar de navegar para o topo da página à procura da próxima data, quando sei que muito provavelmente vou encontrar primeiro a data no caminho para cima?

2ª Secção

This image has an empty alt attribute; its file name is imagem-50.png

Começamos por visualizar a data de Fundação do Clube, numa secção que apenas tem 3 datas. A partir daqui e até 1940, todas as categorias vão ter 10 datas, onde o Sporting aproveita para destacar cada ano da década. A partir 1940/1950 vai de 20 em 20. Finalmente chegamos ao ano 2010, onde voltamos a ver ano a ano (até ao ano 2015).

Vemos, portanto, que este flow não é constante. Além de não ser constante, também não é intuitivo – navego em 4 secções da história do Sporting, a primeira com 3 pontos e as três seguintes com 10, quando finalmente me começo a mentalizar deste flow na navegação, o flow muda e passa agora para de 20 em 20.

Outro problema que nós também conseguimos verificar é que o “Resumo Histórico” é enorme (ainda bem, fossem todos os males como este) e, facilmente, se torna enfadonho navegar numa página que tantas alegrias dá aos Sportinguistas.

Não podemos fazer nada no que à quantidade diz respeito, temos obrigação de a mostrar e de nos orgulharmos. Assim, a solução passa pela interação. Se em vez de termos a história do Sporting na vertical, se estivesse na horizontal, possivelmente conseguiríamos criar alternativas muito interessantes sem nunca comprometer a usabilidade da página.

3ª Secção

This image has an empty alt attribute; its file name is imagem-51.png

Chegamos ao final da página e deparamo-nos com o Footer. Esse mesmo Footer ocupa cerca de 50% da altura do meu ecrã. Como se não fosse já alarmante, o que tem o Footer?

  • Permite-nos mudar de Português para Inglês;
  • Dá-me acesso às tabs de navegação, totalmente idênticas à última barra de navegação;
  • Mais opções de navegação;
  • Redes sociais;
  • Termos e Políticas.

A informação facilmente poderia estar mais bem estruturada. Para quê voltar a ter as tabs de navegação? Bastava de a última barra de navegação estar fixada de modo a conseguirmos sempre aceder ao conteúdo. Só a saída destas duas tabs iriam reduzir significativamente o tamanho do Footer, imaginem quando realmente estruturássemos a secção.

4ª Secção

Por algum motivo, além de ter feito scroll up/down, experimentei e fiz também scroll left/right. O resultado não podia ser mais estranho do que isto:

This image has an empty alt attribute; its file name is imagem-52.png

Não consigo perceber como é que um site de um Clube como o Sporting se dá ao luxo de cometer este tipo de erros. Reparem que quando fazemos o scroll horizontal e chegamos ao máximo, o espaço em branco ocupa cerca de um quarto do ecrã.

Sporting CP – A (des)usabilidade do site, (Parte I)

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *